Carreira

Mitos e verdades sobre estagiários na sua empresa

Fonte - SEO Marketing
23/07/18 15:11
123

Os estagiários são profissionais que podem atuar em todo tipo de empresa e trabalhar com maestria, mas ainda existem muitos mitos a respeito deles

Quase toda empresa conta com estagiários, que são profissionais que ajudam suas equipes e podem mostrar suas características e a forma com a qual eles trabalham.

Ainda assim, é comum que eles sejam alvo de alguns pedidos um pouco estranhos, como pegar café para os chefes ou então ir até a copiadora e recolher as cópias de todo mundo, o que ajuda a criar alguns mitos sobre os estagiários.

Por isso, nós reunimos mitos e verdades a respeito dos estagiários na sua empresa. Assim, além de manter um tratamento bem bacana com eles, será possível obter o melhor aproveitamento de cada um desses profissionais.

Estagiários não estão previstos na lei: mito

Muita gente pensa que não existe nenhuma lei específica sobre os estagiários, mas esse é um grande mito. A Lei nº 11.788, de 25 de setembro de 2008, trata sobre o estágio dos estudantes.

Essa lei fala sobre o que é estágio e esclarece assuntos competentes à instituição de ensino, à parte concedente (a empresa contratante), o estagiário e a fiscalização. Tudo isso deve ser cumprido para uma relação trabalhista saudável.

É preciso estar estudando para estagiar: depende

Essa afirmação pode soar estranha, já que se sabe que é preciso ser um estudante para poder estagiar, mas existe uma exceção que muita gente não conhece.

Se o aluno for obrigado, por sua instituição de ensino, a concluir um período de estágio para poder se formar, mas ainda não tiver concluído esse período no término das aulas, então ele pode frequentar o estágio após o fim das aulas.

Nesse caso, a instituição de ensino deve emitir uma declaração para a empresa contratante e dizer quantas horas de estágio devem ser cumpridas. Esse período não pode ser excedido.

Existem estágios obrigatórios e não-obrigatórios: verdade

Nem toda formação acadêmica demanda que o estudante cumpra um período de estágio. Essa determinação varia de acordo com cada Projeto Pedagógico de Curso (PPC).

Caso a realização do estágio seja obrigatória, então o aluno precisa cumprir esse período para se formar. Se o estágio não for obrigatório, mas sim opcional, ainda assim ele pode realizá-lo para adquirir mais experiência.

Estagiar é uma oportunidade de aprender mais: verdade

Seja o estágio obrigatório ou não, ele pode ser muito importante para o futuro acadêmico e profissional de cada aluno, já que ele se submeterá a atividades que farão parte do seu cotidiano no futuro.

Além de aprender a exercer na prática aquilo que ele aprende na teoria em sala de aula e nos laboratórios, ele poderá identificar se aquela é realmente a área em que ele deseja atuar ou não.

Se a resposta for negativa, isso não quer dizer que o aluno tenha que desistir do seu curso: ele pode atuar em outra vertente da mesma área ou então fazer uma especialização em uma área que gostar mais.

Os estagiários são sempre culpados: mito

Esse é, provavelmente, o maior mito a respeito dos estagiários: que eles são culpados por tudo que há de errado. Inclusive, muitos deles passam por situações constrangedoras no dia a dia, mesmo sem entenderem muito bem o que aconteceu.

Ainda que o estágio não seja uma relação trabalhista propriamente dita, o exercício da função de um estagiário é tão importante quanto o de outros colaboradores que sejam contratados mediante CLT ou como prestadores de serviços.

Por isso, as falhas que acontecem em um ambiente profissional - e que são normais - não devem ser cobradas pelo fato de ser um estagiário ou não. Afinal de contas, todos podem errar, o que inclusive ajuda no desenvolvimento profissional e pessoal.

Estagiários devem ter a mesma carga horária dos funcionários: mito

Grande parte dos funcionários são contratados mediante a carga horária de 40 ou 44 horas semanais, salvo algumas exceções, mas isso não se aplica aos estagiários, que podem trabalhar por, no máximo, 30 horas por semana e 6 horas por dia.

Além disso, o estágio deve ser cumprido apenas de segunda a sábado e em horários que não prejudiquem o comparecimento às atividades acadêmicas agendadas.

Também é importante dizer que o período máximo para se estagiar é de 2 anos, com exceção dos casos de portadores de necessidades especiais, que não possuem um prazo máximo de permanência estabelecido em lei.

Estagiários podem tirar férias: Verdade

Os estagiários têm direito de férias depois de completar 12 meses como estagiários, assim como acontece com os funcionários contratados. Além disso, caso o estagiário receba uma bolsa por seus serviços, as férias também devem ser remuneradas.

Caso a duração do estágio seja menor de 1 ano, então as férias devem ser tiradas proporcionalmente, de acordo com o período trabalhado.

Estagiários são menos capacitados: Mito

A capacidade de um profissional não tem nada a ver com o fato de ele ser estagiário, funcionário ou prestador de serviços. Portanto, é completamente leviano dizer que os estagiários não têm a mesma capacidade dos outros colaboradores.

O desempenho de cada pessoa independe de ser um estagiário ou não, logo esse não deve ser um critério a se considerar na hora de analisar a qualidade do trabalho de cada um.

Estagiários não são registrados: Verdade

O estágio não é considerado como uma relação trabalhista. Tanto isso é verdade que é facultativo à empresa anotar o estágio na carteira de trabalho do estagiário.

Caso ela opte por fazê-lo, essa anotação não deve ser feita nas folhas referentes aos contratos de trabalho, mas sim na parte destinada às anotações gerais, com o curso do estudante, o nome da instituição de ensino, o nome da empresa e as datas de início e término do estágio.

Todo estagiário é efetivado: Mito

O estágio é benéfico tanto para o estudante, que exerce na prática o que aprende na instituição de ensino, quanto para a empresa, que pode delegar algumas de suas funções para ele, mas isso não quer dizer que há a obrigação da efetivação.

Ele pode ser efetivado caso a empresa deseje, já que terá a oportunidade de conhecer a pessoa e analisar se é uma boa candidata a uma vaga de emprego, mas nada impede que o estagiário não prossiga na empresa quando seu contrato vencer.

Contratar um estagiário é ótimo: Verdade

Para fechar a lista, nós podemos concordar, com todas as letras, que contratar um estagiário é tudo de bom para os dois lados, tanto para ele quanto para a empresa.

O estagiário terá contato com aquilo que ele estudou tanto para aprender, além de muitas vezes ter a sua primeira experiência profissional, que vai fazer toda a diferença na sua vida.

A empresa também ganha muito com isso, já que terá pessoas com uma mentalidade diferente e que agem de outra forma. Mesclar pessoas mais velhas e mais novas na empresa é uma troca de experiências que pode ser muito valiosa.

Valorize os estagiários da sua empresa!

Cada um desses mitos e verdades ajuda a entender melhor quem são os estagiários e qual é o seu intuito. Assim, as relações profissionais serão muito mais valorizadas.

Nunca se esqueça de que você pode ter passado pela fase de estagiário por algum período em sua vida, período este em que o respeito e a existência de uma relação saudável era fundamental.

Sua empresa pode atuar no segmento de engenharia civil, mecânica automotiva, auditoria de contas ou qualquer outro, mas seja qual for a área, tenha uma ótima relação com os estagiários e veja como tudo acontecerá da melhor forma possível!

Associação Comercial, Industrial e de Serviços do Estado de Goiás

O pilar de atuação da Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Goiás (Acieg) é a defesa incondicional do empresariado e dos princípios de organização e união para vencer os novos desafios em um mundo globalizado e competitivo. A história empresarial de Goiás é a própria história de lutas e conquistas da Acieg, iniciada em 1937. Com uma trajetória gloriosa, a Entidade está voltada para o presente e o futuro do nosso Estado.

Cadastro Login
Acesse com sua rede social
ou
Esqueceu sua senha?
Cadastro Login
Acesse com sua rede social
ou
Um e-mail de confirmação chegará em sua caixa de entrada
Cadastrar Login
Cadastrar