Institucional

Rubens Fileti comanda sua primeira reunião da Diretoria

Fonte - Thaillyne Rodrigues - Imprensa Acieg
29/03/19 08:45
419

Durante o evento, ex-presidentes da entidade destacaram o perfil gestor de Rubens Fileti

Emoção e homenagens deram o tom à noite. Assim, foi a 13ª reunião da 44ª Diretoria da Acieg. Essa foi a primeira reunião comandada pelo empresário Rubens Fileti como presidente da Associação Comercial, Industrial e de Serviços do Estado de Goiás (Acieg).

O presidente, Euclides Barbo de Siqueira, foi convocado e aceitou um novo desafio, de assumir a presidência da centenária e importante Junta Comercial do Estado de Goiás (JUCEG).

 A entidade recebeu convidados ilustres que vieram prestigiar o novo presidente, bem como assistir a palestra do empresário José Alves Filho, responsável pelo Grupo José Alves, que falou da importância dos incentivos fiscais para o Estado de Goiás.

Durante a solenidade, o empresário Euclides Barbo, presidente da Juceg, foi homenageado pelo seu trabalho, apoio e dedicação para com a Acieg durante os últimos anos. Euclides presidiu a entidade desde 2016. “Quando assumi a Acieg, assumi com as dificuldades e novos projetos com o apoio da diretoria. A luta foi forte, mas ao final conseguimos vencer. Esse grupo de pessoas é muito importante para a sociedade goianiense. É isso que faz a diferença, as amizades que vamos criando”, declarou emocionado ao relembrar de sua trajetória na entidade.

Rubens Fileti declarou que o modo como conduzirá a entidade é baseado no que aprendeu com Euclides à frente da entidade. “Euclides é um líder que abriu seu espaço com sorrisos, amizade e autenticidade. Não deixou de ser duro quando precisou, não se abateu em momento algum, não usou da Acieg para falar de si mesmo, mas para falar dos empresários. Este é o princípio que vou perseguir neste novo ciclo que se abre”, ressaltou.

Para Euclides, já era esperado que Rubens assumisse a presidência. “Ele era o meu vice-presidente e estava sempre presente em todas as nossas atividades, ajudando, dando ideia, tentando construir uma Acieg nova”, afirmou Euclides.

A empresária e ex-presidente da Acieg, Helenir Queiroz, também declarou seu apoio ao novo presidente. “O Rubens é da área da tecnologia da informação e eu acredito que a Associação ganha muito em ter uma pessoal com esse perfil. O Euclides fez uma ótima gestão e eu vejo esse próximo passo agora do Rubens, como um avanço muito grande, principalmente voltado para a questão da indústria 4.0”, pontuou.

A Acieg que tem como perfil abranger e defender todos os setores da economia, bem como, os empresários goianos, trouxe uma nova missão para Rubens, de estar á frente nessa defesa. O empresário já tem definida sua meta para conduzir a entidade.

“Vou me inspirar nas ideias diárias dos membros da minha diretoria, que respeito e trago comigo, e no legado deixado por dezenas de líderes que ocuparam a presidência da Acieg – recentes como o próprio Euclides, Helenir, Pedro, David, Malkon, saudoso Erivan e uma lista longa, que, em oportunidades futuras, vamos lembrar, homenagear e resgatar. Essa é uma palavra que vai ser muito usada nesse novo ciclo: Resgatar”.

Rubens faz parte da Acieg há mais de uma década. Ele começou na entidade durante a gestão do empresário Pedro Bittar, a quem possui uma gratidão e admiração. Pedro também deixou claro que o sentimento é reciproco. “Foi uma grande alegria ver o Rubens participar da minha diretoria. Ainda mais poder vê-lo assumindo a presidência da casa. Ele com certeza é um empresário de visão que tem tudo para dignificar esse nome da Acieg.

Sobre a entidade, o ex-presidente Pedro Bittar declarou que a Acieg faz parte de um todo. “Nós somos um só. União, Estado, município, classe empresarial, iniciativa pública e privada. E, com isso, com certeza a casa sempre agiu dessa maneira apoiando o que é bom e certo e combatendo o que não é bom. Mas combatendo com ideias e levando novidades para o setor público”, ressaltou.

Pedro Bittar também demonstrou total apoio ao novo presidente da entidade. “O Rubens como empresário, como ser humano, com a inteligência e discernimento que ele tem, ele vai elevar a Acieg em patamares melhores com certeza”, afirmou Pedro.

Íris Andrade que presidiu a Acieg durante o inicio dos anos 90, também esteve presente na reunião, e exaltou Rubens. “Bom estilo de liderança. Com esse perfil, tenho certeza que o Rubens fará um bom trabalho a frente da Acieg”, elogiou.

Na oportunidade, Rubens apresentou suas propostas para este novo ciclo que se inicia:

1)         Construir o museu da Acieg (interativo e presencial);

2)         Fortalecer e criar plano de metas para as Câmaras Temáticas da entidade;

3)         Oportunizar cursos e treinamentos. Em um ano, a meta mínima é capacitar mais de 2 mil empresários e colaboradores dentro da Acieg;

4)         Buscar várias parcerias em serviços de baixo custo, subsidiados, para micro, pequenas e médias empresas para melhorar a gestão;

5)         Desburocratizar. Junto ao setor público, focar em ações práticas e executáveis para agilizar e melhorar o ambiente de negócios;

6)         Criar eventos de grande porte com a marca da Acieg, já em planejamento, e apoio de entidades coirmãs;

7)         Estar mais presente no comércio de bairros e levar apoio às associações comerciais e empresariais de várias regiões da cidade;

8)         Criar um balcão de atendimento permanente e emergencial ao empresário, com atendimento especializado e individual para problemas pontuais;

9)         Realizar visitas técnicas a empresas, acompanhado da diretoria da entidade;

10)       Realizar missões técnicas ao exterior.

 

Fotos: Paulo Leandro

Cadastro Login
Acesse com sua rede social
ou
Esqueceu sua senha?
Cadastro Login
Acesse com sua rede social
ou
Um e-mail de confirmação chegará em sua caixa de entrada
Cadastrar Login
Cadastrar