Indicadores

Lucro líquido dos grandes bancos cai 40% no segundo trimestre de 2020

Fonte - G1
06/08/2020 15:49
214

Acumulado foi de R$ 12,1 bilhões contra R$ 20,4 bilhões no mesmo período de 2019

O lucro líquido conjunto dos grandes bancos brasileiros no segundo trimestre deste ano foi 40% menor do que em mesmo período de 2019, aponta levantamento da consultoria Economatica. Os números foram apresentados nos últimos dias, em divulgação de resultados de Banco do Brasil, Bradesco, Itaú Unibanco e Santander.

O acumulado das quatro instituições financeiras somam um lucro de R$ 12,1 bilhões no segundo trimestre de 2020. A redução contra igual período do ano passado foi de 40%, quando a soma foi de R$ 20,4 bilhões.

O resultado conjunto é o pior desde o trimestre terminado em dezembro de 2016, quando os bancos tiveram lucro de R$ 11,6 bilhões. Os valores do levantamento, contudo, não estão corrigidos pela inflação.

A queda continua sendo expressiva mesmo em janelas mais recentes. O desempenho dos bancos neste ano tem sido especialmente afetado pelas provisões realizadas para cobrir potenciais perdas durante a crise provocada pelo novo coronavírus.

Com o agravamento da crise, o trimestre terminado em março deste ano é o que registra a maior contração em relação ao anterior: 63%. O lucro somado do primeiro trimestre foi de R$ 13,7 bilhões contra uma marca de R$ 21,8 bilhões no último trimestre de 2019, melhor resultado da história.

A queda do primeiro para o segundo trimestre de 2020 foi de 11%. Em relação ao pico de dezembro, houve redução de 44% no resultado.

Bradesco lidera os ganhos

 

Dos quatro maiores bancos, o líder foi o Bradesco, com lucro líquido de R$ 3,506 bilhões no segundo trimestre. Houve uma queda de 42% em relação ao mesmo período de 2019 (R$ 6,042 bilhões). Já em relação ao primeiro trimestre de 2020 (R$ 3,382 bilhões), houve alta de 3,6%.

Em seguida, vem o Itaú Unibanco, que registrou lucro líquido de R$ 3,424 bilhões no segundo trimestre de 2020. O resultado representa uma queda de quase 50% em relação ao mesmo período do ano passado, quando o banco reportou ganhos de R$ 6,815 bilhões.

O pódio termina com Banco do Brasil, que teve a menor queda contra o mesmo trimestre de 2019. O banco teve lucro líquido de R$ 3,2 bilhões neste período de 2020, sofrendo queda de 23,7% em relação ao mesmo período do ano passado (R$ 4,2 bilhões).

Em quarto lugar, o Santander Brasil registrou lucro líquido de R$ 2,02 bilhões no segundo trimestre, uma queda de 40,76% em relação ao mesmo período do ano passado (R$ 3,41 bilhões).

Cadastro Login
Acesse com sua rede social
ou
Esqueceu sua senha?
Cadastro Login
Acesse com sua rede social
ou
Um e-mail de confirmação chegará em sua caixa de entrada
Cadastrar Login
Cadastrar